Festas de final de ano. Chutar ou não chutar o balde?

Durante o ano todo, você deve ter sido bastante disciplinado(a) com a alimentação e com a prática regular de exercícios. Se o seu ano foi assim, você deve ter reduzido o percentual de gordura e aumentado a massa magra (músculo).

Para que tudo isso fosse possível, pelo menos duas atitudes foram fundamentais: dedicação e disciplina. Evidentemente que tanta dedicação e disciplina, o tempo todo, além de estressar, também afeta outros prazeres que a vida pode proporcionar. Então, nesse final de ano, sugiro: relaxe um pouco, tire o pé do acelerador, pense um pouco mais no prazer do que na quantidade de calorias, não acorde tão cedo, aproveite mais sua cama. Aproveite mais do prazer que os disciplinados e dedicados tanto merecem. Ano que vem já, já, chega e os novos desafios também. O equilíbrio é fundamental para que a motivação se mantenha acesa.
Agora, se a vida não te permitiu ter esta disciplina e dedicação nesse ano, talvez seja mais interessante se manter atento e tentar, ao máximo, minimizar o prejuízo. Se você está nessa categoria, segue algumas dicas: coma algo em casa antes de sair para as festas e confraternizações tente fazer um super exercício no pré evento (Uma boa corrida antes da ceia de natal ou do amigo secreto pode minimizar o prejuízo. Se não der para treinar antes, treine logo no dia seguinte) se bebida alcoólica for indispensável, escolha a que conseguir beber em menor quantidade lembre-se que o natal e réveillon são apenas 02 refeições, não transforme esse período em quinze dias de farra na ceia utilize mais a salada e peru do que a farofa e a maionese, evite as bombas calóricas como as tortas doces e salgadas se você for preparar sua ceia, evite acréscimos desnecessários de calorias nas preparações, como batata palha na salada ou no strogonoff evite comer em uma refeição o que você poderia comer em três. Por fim, vá dormir com seu saco vazio, que Papai Noel esquecerá que você pediu uma barriga de presente. Feliz Natal e boas festas!.

Deixe uma resposta